Quem Somos

Quem somos

 A Na Cara e Coragem, surgiu da necessidade de alguns artistas que ousam criar, ousam ser únicos e ignoram tendencias. Não por uma necessidade de “ser do contra”, mas por saberem que uma boa ideia sempre deve ser executada, e essa é a visão desta produtora, permitir a criação do que seria impossível, mas seria impossível apenas para aquelas que não sabem imaginar…

“Eu posso não concordar com o que você diz, mas defenderei até a morte o direito de dizê-las”
(Voltaire)

Alan Costa:
Daniel MM: Depois de desvendar uma antiga tumba Maia, Daniel adquiriu incríveis poderes da dislexia, a partir de então suas respostas precisam durar o minimo necessário para uma transladação de saturno, por causa dessa relação o alinhamento com Antares, também lhe atribuiu a capacidade de tocar viola, mas somente nas horas vagas e durante a Lua cheia, suas pupilas dilatas enxergam apenas a cor azul, quando está com sono também consegue ver o vermelho, trava uma luta incessante contra os teóricos do século XVIII, transformando a vida deles em um inferno sem fim, toda vez que utiliza seu manto do tempo, e mata-os sempre um segundo antes de suas mortes.
Felipe Manhães:
Felipe Rey Rey: Poeta do subúrbio do asfalto tomando a poesia de assalto. A arte me inventa sonhos e buscas. Conduzo a candeia o lampião a lamparina a lâmpada dos desejos reacendendo a chama dos que não sabem arder conforme a pressão do fogo da liberdade.
Tiago Malta: Sou um Poeta carioca (suburbano quase caipira), que sei discotecar por goró (de bico seco não faço e por dinheiro não tem graça), multi-instrumentista (sem talento pra tocar qualquer instrumento, mas por muito esforço toca um monte), formado em Psicologia (gestalt-terapeuta), com curso tecnico de raio-x e percussão, mas que ganha vida como Gestor Ambiental e compondo trilhas sonoras para games. Além disso sou budista (não-praticante), militante das Causas Piratas e (teoricamente) voluntário da cruz vermelha. Por último torcedor do Vasco da Gama, apenas pra tentar fingir ser normal, pelo fato de todo brasileiro ter de ter um time. Etnicamente sou 25% Baiano, 25% Carioca, 25% Espanhol, 12,5 % Bugre e 12% Cigano. Resumindo, 100% Mestiço
Rafael Barros
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s